sábado, 4 de setembro de 2010

maditando


JAMES THURBER (na sua obra "Fábulas de Outros Tempos): "Certa tarde, um lobo grande encontrou na floresta uma menina que transportava um cesto de comida. "É a tua avó, essa comida?:, perguntou o lobo. A menina disse que sim. Então, o lobo perguntou-lhe onde morava a avô e, depois de informado, desapareceu na floresta.
"Mais tarde, ao chegar ao seu destino, a menina viu que alguém se encontrava na cama da avô, com uma touca e uma camisa de dormir.
"Mal tinha fechado0 a porta, percebeu que era o lobo e não a avozinha que estava na cama, porque, mesmo de touca, um lobo parece-se tanto como uma avô como um leão da Metro-Goldwyn-Mayr se parece com Mossolini. Sem dizer água vai, a menina do capuchinho sacou de uma automática da sacola e atirou fogo sobre o lobo.
"Moral da história: Hoje não é fácil enganar uma menina como outrora.

Pastado por Daniel Costa

5 comentários:

Vivian disse...

...Bom dia poeta!

foi-se o tempo em que nos encantavamos
com fábulas, príncipes encantados,
lobo mau, pequena sereia, e por aí vai.

hoje o que vemos é uma guerra
absurda onde fazemos crescer
os miúdos, pulando etapas,
e por isso estas reações
como a da pequena menina
da fábula.

bj, querido!

bom fim de semana!

Multiolhares disse...

Nos tempos idos as histórias foram criadas para transmitir a sabedoria Divina ás crianças, uma forma de mostrar que o bem tinha sempre de vencer a maldade, que o caminho era pelo perdão e o amor, hoje em dia os valores estão em inversão, e só nos "protegemos" atacando primeiro, é este o mundo em que vivemos

Hanukká disse...

Boa noite, mais um pouquinha de meditação...Abraço.

Orgulho e vergonha

Quase não dar saber que são irmão
parecem tão diferentes
O orgulho estufa o peito,
A vergonha abaixa a cabeça
O orgulho se exibe
A vergonha se esconde
O orgulho busca ser visto
A vergonha busca passar despercebida
Mas não se deixe enganar,
as duas emoções fluem da mesma fonte
E as duas emoções te o mesmo efeito
Elas mantém você longe
do Pai celestial.
O orgulho diz: você é bom demais para Ele
A vergonha diz: você é ruim demais para Ele
O orgulho leva você para longe
A vergonha mantém você longe
Se o orgulho é aquilo que vem antes da queda,
a vergonha é aquilo que impede
você de se levantar após a queda.

ELE ESCOLHEU VOCÊ !

Max Lucado

Pensador disse...

Uma versão deliciosa da história.
Valeu cada palavra lida...

Fátima Guerra (Mellíss) disse...

Querido Daniel
Todos os anos, quando cumpro mais uma etapa desta vida, agradeço a Deus pelas graças recebidas, entre as quais incluo a sua amizade.
Obrigada por enfeitar o cenário dos meus dias.
No dia 09 de setembro, receba uma prece especial por você.
Beijo,
Fátima Guerra