sábado, 27 de agosto de 2011

VARGAS VILLA


                              

VARGAS VILLA: "Oh! O prestígio sagrado das mãos! As mãos que são rosas, as mãos que são lírios, as mãos que acariciam como uma benção! As mãos da mãe, as mãos da amada, as mãos que no céu sereno do silêncio desenham o seu grande gesto de Paz e de Perdão! Oh! Mãos redentoras!, Oh! Mãos adoradas! Onde esse poema? Onde essa canção?"

Postado por Daniel Costa

2 comentários:

Ivone Leão disse...

com certeza redigidos por mãos...

Bjo amigo!

Milla Pereira disse...

Oi, Daniel! Vim conhecer seu blog de pensamentos e já sou seguidora. Lindo, como todos, parabéns! Beijo grande e ótima semana